Fale Conosco:
(55) 3314-1315 | 9961-3595 | grokker@grokkeronline.com | linkeding youtube youtube

Mostrando itens por tag: coaching

Coaching é terapia?

15 Março 2018
Publicado em Blog

Algum tempo atrás presenciamos na novela da Rede Globo, “O Outro Lado do Paraíso”, uma situação em que foi apresentado o Coaching como uma forma de terapia/hipnose, para identificar e resolver um determinado trauma de uma menina. Este fato gerou uma grande polêmica nas redes sociais, e a seguinte questão: Coaching resolve traumas?

Para responder da melhor forma esta pergunta, primeiro é necessário saber e entender o significado de Coaching e Terapia.

No processo de Coaching, o profissional auxilia no desenvolvimento de habilidades e percepção de soluções, sempre com foco no futuro, para atingir os objetivos específicos do cliente. Estes objetivos podem ser pessoais ou profissionais, e podemos chamá-los de metas. Exemplo: estar apto a ser promovido (a), mudar de emprego/profissão, emagrecer, melhorar relacionamentos, montar um negócio, conhecer-se melhor profissional e pessoalmente, melhorar a performance nos esportes, entre outros exemplos. Neste processo o cliente irá conseguir avaliar e identificar as oportunidades, ameaças, pontos fortes e fracos e recursos que estão em seu caminho para poder trabalhar e atingir a realização da sua meta.

É importante sempre lembrar que o Coaching não tem caráter clínico, a terapia sim.

Por isso, as origens destes problemas citados acima não são tratadas no Coaching, pois o Coaching foca apenas o futuro. Para o esclarecimento do motivo e fonte de determinados comportamentos, escolhas, problemas emocionais e traumas, a terapia é a mais indicada, podendo ela identificar e resolver o problema desde a raiz.

De maneira geral, a terapia é geralmente realizada por um profissional de Psicologia, o qual pode trabalhar com pessoas que apresentam traumas/problemas passados que afetam o seu presente. Ela busca investigar e analisar o problema trazido pelo paciente, para poder ajudá-lo a solucionar.

Nos dois casos são realizados momentos de reflexão com o cliente/paciente. Contudo, em resposta a pergunta chave do texto, elas são duas técnicas muito diferentes, ambas com suas qualidades, metodologia e resultados, que variam de acordo com o problema e necessidade de cada pessoa.

Independente da metodologia escolhida é importante que o interessado procure referências de clientes/pacientes, dos cursos/formações realizados pelo profissional em questão e principalmente dos resultados obtidos.

Oi! Tudo bem?

Um tempo atrás, mais precisamente em novembro/15, escrevi um texto para este mesmo blog sobre o que é coaching e seus principais conceitos. Caso queira rever ou acessar pela primeira vez, pode conferir neste link: http://www.grokkeronline.com/novosite/index.php/blog/item/160-sobre-o-coaching

Agora estou aqui para dar outro enfoque para o mesmo tema. Com certeza você já deve ter ouvido falar uma ou inúmeras vezes sobre coaching. Claro...O tema esta em “alta” e está “na moda”, como muitos dizem. E isso é bom, pois o coaching está auxiliando de fato muitas pessoas a atingirem seus objetivos pessoais e profissionais.

Por outro lado, o que vejo é que muitas pessoas estão tendo uma visão equivocada do que é coaching, justamente porque tiveram contato com alguma prática ou alguém que se dizia coach e que trabalhava com coaching e na realidade não era bem assim...

Por que estou dizendo isso? Porque algumas pessoas se intitulam coaches (e muitas vezes não são e/ou não possuem o conhecimento) pelo simples fato de estar “na moda” e acharem que dizendo que possuem esta expertise irão conseguir mais oportunidades, se destacar no mercado, ganhar mais status, dinheiro e, isso acaba por banalizar a profissão e prejudicar quem realmente trabalha de forma séria e segue os princípios do coaching.

Escutei uma pessoa falar a seguinte frase: “agora qualquer um diz que é coach e que trabalha com isso”. Opa! Não é bem assim...

Existem alguns profissionais que atuam de formas diferentes.... Vou explicar um pouco abaixo:

Temos o profissional que possui certificações em Coaching, ou seja, participou de uma Formação Profissional em Coaching ou Especialização na área e recebeu certificação, titulação de Coach.

E existem também, aqueles profissionais que utilizam os princípios do coaching no seu dia a dia, orientando o seu colaborador no seu desempenho e utilizando ferramentas para desenvolver competências na sua equipe. Estes profissionais, muitas vezes não percebem que estão atuando como líder coaches, ou seja, utilizam os princípios do coaching de maneira informal na sua gestão.

O que os dois tipos acima tem em comum? Eles utilizam os princípios do coaching e por isso, podem dizer que atuam com coach ou são líderes coaches. Diferentemente de profissionais que não conhecem estes princípios e dizem por aí que atuam como coaches.

Você deve estar se perguntando, mas porque seria importante eu conhecer os princípios do coaching? Por que participar de uma Formação em Coaching? O que o coaching pode fazer na minha vida pessoal ou profissional?

Se você faz parte daquele segundo tipo de profissionais que comentei acima (ou seja, já atua como líder coach), participar de uma Formação em Coaching seria interessante para: aprofundar o seu conhecimento nesta metodologia, conhecer e aprender como explorar mais as ferramentas utilizadas no coaching, lhe proporcionar mais segurança na sua atuação como líder, melhorar a sua performance e da sua equipe, autoconhecimento, etc.

Se você não conhece ainda o coaching e seus princípios, ele irá permitir que você desenvolva suas habilidades e alcance seus objetivos, explorando o máximo de seu potencial criativo, intelectual e emocional, podendo promover uma grande mudança tanto na área pessoal quanto profissional. Inclusive dentro de sua própria equipe!

Com uma formação, você poderá tornar-se um Coach e atuar nos mais diversos ramos do Coaching, como: carreira, performance, liderança, relacionamentos, comunicação,entre outros. Além disso, conhecerá uma metodologia que pode lhe ajudar a aumentar o nível de resultados, realização, sucesso pessoal e profissional, plenitude e felicidade na área pessoal, nos negócios e na carreira, nos relacionamentos e na sua qualidade de vida. Isso não quer dizer que quem não participou de uma formação em Coaching não possa atuar como coach; o que muda é a autoconfiança na atuação e o melhor aproveitamento das ferramentas.

Bom, espero que tenha gostado dos benefícios que o coaching pode lhe trazer e queira saber mais sobre ele.

Ahhh, e se você tem um pouco de “pé-atrás” com o coaching, saiba que talvez a experiência que vivenciou ou o que lhe falaram não seja a realidade sobre ele. Com certeza vale a pena aprofundar mais sobre o tema, pois esta nova experiência pode surpreendê-lo positivamente.

E você, tem interesse em conhecer um pouco mais sobre o assunto?

Até a próxima! E boa semana!

Sobre o coaching...

16 Novembro 2015
Publicado em Blog

Muito ouvimos falar entre as pessoas e organizações sobre o coaching e seus benefícios, mas ainda muitas não conhecem esta ferramenta tão poderosa e amplamente utilizada nos dias atuais.

Por isso, aqui vão algumas informações básicas que podem ajuda-lo a compreender melhor e se aproximar um pouco mais desta metodologia.

Começando com a origem da sua palavra que provém da antiga palavra francesa “coche”, que significa “carruagem”, ou seja, um meio utilizado para transportar uma pessoa do ponto em que ela se encontra até aquele em que ela deseja chegar.

Umas das principais definições sobre seu significado, diz: "Coaching é um processo que visa elevar a performance de um indivíduo (grupo ou empresa), aumentando os resultados positivos por meio de metodologias, ferramentas e técnicas cientificamente validadas, aplicadas por um profissional habilitado (o coach), em parceria com o cliente (o coachee).”(Villela Da Matta & Flora Victoria);

No processo de coaching formal são realizadas sessões (encontros/reuniões) sejam elas, semanais, quinzenais ou mensais, por um tempo determinado, que podem variar entre 08 e 10 encontros. O profissional especializado aplica técnicas, ferramentas e perguntas poderosas para mobilizar o seu cliente (coachee) a entrar em ação para atingir suas metas e acelerar os seus resultados, seja ele no campo pessoal ou profissional.

O coaching possui diversas perspectivas e definições. Seguem abaixo alguns dos principais:

- Podemos dizer que o coaching é um dos melhores processos de desenvolvimento humano da atualidade, visto que proporciona o autoconhecimento e o conhecimento do outro fazendo com que tenhamos relações pessoais e profissionais mais saudáveis, equilibradas e duradouras;
- O coaching é um processo que ajuda pessoas e equipes a atuar no nível máximo de suas capacidades. Consiste em explorar os pontos fortes das pessoas, ajudando-as a vencer obstáculos e limites pessoais para alcançar seu melhor desempenho;
- O método enfatiza a mudança geradora, concentrando-se na definição e na realização de metas especificas. As metodologias utilizadas são orientadas para o resultado, não para os problemas, com forte tendência a focalizar as soluções promovendo o desenvolvimento de novas estratégias de pensamento e ação, não de tentar resolver problemas e conflitos do passado;
- A essência do coaching está em fornecer suporte para que o indivíduo aprimore, se transforme e evolua. Assim como, auxilia-o a seguir na direção certa para seu estado desejado. O processo cria consciência, potencializa a escolha e leva à mudança;
- Arte de facilitar o desempenho, o aprendizado, e o desenvolvimento de uma pessoa;
- Consiste em munir uma pessoa com as ferramentas, os conhecimentos e as oportunidades de que elas necessitam para se desenvolver e tornar-se mais eficazes;
- O coaching tem por finalidade liberar o potencial de uma pessoa com o intuito de maximizar seu desempenho. Consiste em ajudar as pessoas a aprender, em vez de ensiná-las;
- É um método poderoso para aqueles que estão fazendo importantes mudanças em suas vidas;
- Coaching é aprendizado, coach e cliente formam juntos uma parceria de aprendizagem.

E então, com estas inúmeras definições você conseguiu compreender um pouco mais sobre o objetivo do coaching? Espero que sim.

Em breve escreveremos outros textos sobre este assunto.

Até mais!

Comentários